Percepção de Corrupção e Felicidade.



Casal abraçado

Todo ano, um grupo de especialistas se reúne para ranquear os países onde as pessoas são mais felizes. O resultado da análise é um estudo denominado World Happiness Report. Da mesma modo, anualmente, a Transparência Internacional publica o Índice de Percepção de Corrupção, que é um estudo nos quais os países com menores (e maiores) indicadores de corrupção são ranqueados. As duas listas contêm as principais nações do mundo.

Como os dados são disponibilizados ao público, fiz uma comparação entre as duas tabelas. Alguns países não coincidiram e foram removidos. A tabela da World Happiness tem 156 países. A da Transparência Internacional tem 176.

Dos 20 países que melhor combatem a corrupção, 17 estão entre os mais felizes. Os que ficaram de fora estão todos na Ásia e, mesmo assim,  ainda estão acima da média mundial de felicidade. São eles (Menor Corrupção/Felicidade) :

  • Cingapura (7º - 26º) ;
  • Hong Kong( 15º - 71º);e
  • Japão (20º - 51º).

Veja o gráfico:

O Brasil ficou em 79º - 22º. Certamente o brasileiro é um povo feliz. Mesmo com tantas adversidades, o brasileiro ainda tem motivo para sorrir. Imaginem se não tivéssemos tantas razões para reclamar.

É bem verdade que, após a listagem do países mais bem colocados, o padrão "corrupção" vs "felicidade" não fica tão claro. O que indica que há também muitos fatores sociais relacionados ao assunto.

De qualquer forma, abre-se a questão para debate. Pessoalmente, acredito que a partir de um certo nível de responsabilidade social, os governos mais transparentes (e menos corruptos) proveem melhores serviços e geram populações mais felizes. Afinal, estes governos são mais eficientes e econômicos com as verbas públicas. Também, normalmente são menos opressivos e capazes de trazer justiça com celeridade.

Portanto, vê-se que a felicidade social passa por um combate sério à corrupção. Vale a pena. Pode ter certeza.

(A extração dos dados foi feita em Python. O planilha e o Jupyter Notebook com o processamento está disponível no meu github.)

Gostou do Blog? Curta nossa página no facebook.

Para citar: CARTAXO, Alberto. Percepção de Corrupção e Felicidade.. Direito Amplo, 2018. Disponível em: < https://www.direitoamplo.com.br/2018/01/08/percepcao-de-corrupcao-e-felicidade/ >. Acesso em: 16 de Julho de 2019. Última modificação em: 10 de Janeiro de 2018.

blog comments powered by Disqus